Leia, Pense e ... Seja bem-vindo!!!


quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Pensar... (ou melhor seria) ... Repensar... .... .... .... ....


...Pensar...
ou melhor repensar...
Tanta coisa para se colocar na balança !!
Valeu a pena ?
E o tamanho da alma?
Não , não quero ser sombra do que passou
e nem quero viver o que a mim não pertence.



Um ano a menos
experiências novas (já passadas)
Ultrapassadas ?
Não , tudo é vida , tudo é envolvente !!

E lá vem ela :
a consciência da finitude.
E já vem ela :
a crença na eternidade.
Um passo para o homem,
um salto para uma nova era.
Quem dera eu vivesse
com a certeza do melhor ante meus olhos.

Vida, dom , presente.

Valeu a oportunidade !!!

Imagem: www.escolasaopaulo.org

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Big Band no LTC !!

E é tempo de festa. E tempo de comemorar e depois tirarmos umas férias. Mas será que músico tira férias? Quem convive com um sabe que não. E como se este deixasse de viver por algum tempo.

Bom, como grupo, a nossa Big Band encerrou ontem suas atividades de 2011 . Fizemos um show muito legal no Bar do LTC. Um público muito interativo nos prestigiou e comemorou conosco o aniversário da Banda.

Este blogueiro tem orgulho em conviver com gente tão talentosa. A começar pelo regente/pistonista Dilson e seus filhos Israel (guitarra) e Thiago (bateria). È um barato tocar com o bom humor do Waldir (SaxTenor) e a dedicação do Celso (meu companheiro de SaxAlto). Gosto demais do som classudo do Zé Urbano (Trombone). Tigrinho e Sérgio Wagner, dinossauros da música em Lavras, são demais nos teclados. Claudão é uma inspiração nos saxTenor e Alto. A criatividade percussional do Adão garante o show. Ah, ontem eu vi um solo do Dedê no baixo de deixar o queixo caído. O piston do Modesto está esperando ele melhorar de saúde (Força, amigo !!!).

Como sempre a In the Mood é a mais divertida de tocar.

Deixo vocês com Glenn Miler dizendo que a música instrumental é um show !!

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Eu e Marisa ...

Eu a conheci lá pelos idos de 1989.

Fui apresentado por um irmão.

Confesso: me apaixonei.

Sua voz entrava pelos meus ouvidos como música.

Quando cantava então : êxtase !!

Vivia a ilusão que ela era só minha...

Ah, ela também gostava de João Gilberto.

Era como estas visões de começo de mundo.

Aí , percebi que sua discrição estava acabando.

Começou a andar com qualquer um.

Deixou de ser mistério e quase ficou como qualquer outra.

Se acabou o meu amor? Não. Traído , não traidor...

Outro dia chegou em minha casa com aquele jeito particular.

De cara me perguntou: "O que você quer saber de verdade?"

Logo respondi : "Queria saber se minha Marisa , aquela, está de volta ..."

E ela, ela mesmo, era ela, se despediu com um sorriso...

Obrigado pela visita !!!

Seguidores

Postagens populares

Marcadores